segunda-feira, 20 de abril de 2009

O mar e o mundo

Meu mar é o mundo, meu mar é tudo que está longe, que deixei pra trás. Mas também tudo que está por vir. Tudo que me angustia, tudo que me balança e me deixa inqueta ao pensar que a vida está passando e nenhuma onda vai voltar. Nada volta. Cada segundo é novo, cada mais um é, na verdade, menos um. Eu quero atravessar o mar. Quero viver cada segundo. Eu quero conhecer o mundo. Mas não consigo chegar no mar. Ah, o mar. Ah, os cenários que já vi nos meus sonhos! Ah, as tormentes que já passei! Eu preciso atravessar o mar antes que o tempo me tire as forças, antes que a vida me tire o brilho, antes que mais uma onda passe e eu perceba que não vivi. Eu preciso atravessar o mar. Quero ver o que tem lá no fim. O que tem depois do horizonte, muito além do pote de ouro no fim do arco-íris. Eu quero ver, quero viver, quero tudo a cada instante, quero tanto que dói. O mar é minha vida, o mar é puro, belo, profundo, independente... mas é também tormenta, tempestade, desafio...
Ele sempre vai pra frente, sempre chega a algum lugar. O mar! Eu preciso atravessar o mar. Eu tenho sede de vida, sede de futuro, sede de paz. O mar... alguém me tire desta prisão, me leve embora desta ilha, me deixe cair no mar! O mar é minha esperança. Já estive nele, eu sei do que falo. Já estive nele, mas um dia cheguei na praia e tudo parou. Mas, eu vou voltar. Não posso parar por aqui. Isso tudo é muito pouco. O mar vai me levar.O mar... sempre o mar...

3 comentários:

Erika disse...

Lindo texto, Ana... Ao memso tempo que tranquiliza, inquieta. Assim como o mar... :)

bjs,
Erika

P.s: Mas eu nao conhecia este blog. Por acaso vi no blog da Drika, viu.. Humpt!

Ana disse...

Obrigada, Érika! Esse texto é fruto das minhas inquietações (volta e meia elas chegam), daí esta sensação passar pra quem lê.
Quanto ao blog, esse está sempre atualizado, mas eu esqueço de divulgar(rsrsrs). A Drika e o Tiago são meus leitores mais frequentes. Espero que vc me visite mais vezes, viu?
A gente vai se falando.
Bj pra ti!

Tiago Nomack disse...

Ah o mar... uma parte da natureza das minhas mais prediletas. Ao mesmo tempo que é belo, bonito e atrativo, pode ser traiçoeiro, feio e perigoso - hum... isso me lembra alguém xD